Estúdio de Pole Dance: o segredo para a boa administração

Abrir o próprio estúdio de Pole Dance é uma realização incrível, mas que requer bastante dedicação e garra. Apesar da popularização do Pole Dance no Brasil nos últimos anos ter se mostrado cada vez mais favorável para os empreendedores, todo dia aparecem naturalmente novos estúdios, novas tecnologias e novos profissionais da área, não é? E tudo bem! Afinal, a concorrência faz parte. Mas é importante que ela não atrapalhe o crescimento do seu negócio e sim se inspire no seu exemplo.

Um dos segredos para se tornar uma referência de mercado é adotar boas (e mais variadas) práticas que contribuem para desenvolvimento da sua empresa. A peça-chave para que todas funcionem é uma boa administração, pois um processo de gestão consciente é crucial para garantir a saúde e o lucro do seu negócio. Veja abaixo algumas condutas que contribuem para uma boa gestão de acordo com o estágio de desenvolvimento da sua empresa

Antes da abertura

Uma boa administração começa antes mesmo de se abrir as portas do seu estúdio. A fase de planejamento é essencial para não só para se organizar e se precaver como também para desenvolver suas habilidades como gestor. É o momento de:

  1. Tornar-se um administrador, adotando uma postura e práticas específicas que vão otimizar o desenvolvimento da sua empresa
  2. Planejar-se financeiramente, em prol da saúde e crescimento corporativo
  3. Usar as ferramentas certas, que facilitam os processos administrativos
  4. Prospectar e precificar estrategicamente

Após a abertura, durante o período de adaptação

Já no caso de um estúdio em atividade, é preciso voltar a atenção para a expansão do negócio através da qualidade do serviço prestado e a fidelização de alunos. Portanto algumas condutas importantes neste estágio são:

  1. Investir em documentos que oficializam contratações para evitar conflitos futuros que podem prejudicar a boa relação com clientes e colaboradores. Confira os modelos de contrato e fichas ideais para usar em estúdios de Pole Dance, basta clicar aqui.
  2. Motivar e amparar os direitos dos seus colaboradores. Afinal, profissionais felizes tendem a transmitir mais felicidade aos alunos e aos colegas de trabalho
  3. Fidelizar seus clientes, sanando dúvidas, resolvendo conflitos e acompanhando a evolução dos mesmos no esporte

Durante o funcionamento

Quando as peças do quebra-cabeça já estiverem se encaixando, como a contratação de bons instrutores e a constante conquista de clientes, você deve se voltar para uma das partes mais importantes do seu negócio, o controle financeiro, fundamental tanto para calcular o capital de giro quanto para definir datas de pagamentos, possíveis investimentos e também para reduzir impostos. Logo você deve aprender sobre:

  1. Entradas e Saídas, ou seja, como equilibrar lucro e despesas
  2. Fluxo de caixa, organizando um processo simples e fácil para realizar os lançamentos.
  3. Análise de Dados, identificando a saúde financeira da sua empresa através do pagamento de alunas e colaboradores, o nível de inadimplência, os custos com divulgação e recursos e etc.

Conheça em detalhes todas as práticas que conduzirão o seu estúdio a uma boa gestão

Baixe o nosso guia gratuito sobre Administração para Estúdios de Pole Dance

BAIXAR GUIA GRATUITO

Compartilhar este post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email